Waleska Farias - Gestão de carreira e imagem



A Ação da "Geração Y" Nos Verbos de Anna Luyza A Ação da "Geração Y" Nos Verbos de Anna Luyza

Realizar, criar, acreditar, produzir e expressar…

Inquietação, vontade de fazer mais, crescer rapidamente, saber mais do que o esperado, criar e conhecer pessoas. Em menos de duas linhas consigo descrever características e anseios que marcam minha mente e regem minhas ações.

As redes sociais passaram de diversão para necessidade. Ter um blog não é só para quem gosta de internet, mas para quem sabe a importância da informação, da sua marca pessoal na rede e de toda a agregação de valor que há por trás disso.

Não dá para passar dias lendo “os sete hábitos”, ao invés de fazer! Captar as mensagens mais rapidamente, detectar tendências e conhecer o que é altamente eficaz fazendo e vendo funcionar é muito mais estimulante. Realizar.

Ser graduada, me especializar e ser parte de um padrão pré-determinado parece ser insuficiente. Acredito na realização de coisas marcantes, que façam diferença na vida de muita gente, que se aquilo não existisse, no fundo era aquilo que muitos desejavam ter. Criar.

Tenho mente inquieta, que não quer seguir protocolo (mesmo que siga alguns), que quer ver além do slide da palestra, que assistiu Thundercats e acredita no poder da “visão além do alcance”. Sonhadora? Sempre e sem medo! Que se lança, que se arrisca, que crê, mas que planeja. Acreditar.

Já me disseram que meu dia parece ter 30 horas. Na verdade, fazer muitas coisas é um descanso para minha mente ao fim do dia. Nada é mais gratificante que saber que consegui atender os pacientes no hospital, atualizar meu blog, responder os comentários, ver a principais notícias no twitter, fazer um “facefriend” que faça diferença, estudar e ainda malhar. Produzir.

Estar em redes sociais passa do nível do “conectar-me aos amigos”, agora é conectar-me ao mundo que me interessa. Hoje é fácil encontrar o seu nicho, adicionar e crescer com aquelas pessoas que somam na rede. Gosto do poder que a internet nos dá de conhecer a mentalidade de quem está há quilômetros de mim, de saber o que está regendo o futuro, qual o diferencial do momento. Além de poder discutir, opinar e “ouvir”. Expressar.

Realizar, criar, acreditar, produzir e expressar são meus verbos. Não necessariamente nesta mesma ordem.

Anna Luyza Aguiar

Acadêmica do 6º ano de medicina. Escreve para o blog MedInforme e site Dicas de Mulher.

Waleska Farias
Coaching, Carreira e Imagem.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
cadastre-se e receba nossas novidades »